CUIDADO COM O GESSO INADEQUADO!

* Gessos não devem escorregar (tire uma foto dos dedos dos pés durante cada gesso e, em seguida, você será capaz de determinar se o gesso escorregou quando esta em casa)

* Gessos não devem sair completamente

* A ponta dos dedos dos pés devem ficar expostos no gesso11136718_939129066132475_8014938762494779668_n

* A quantidade normal de trocas de gessos, incluindo casos complexos, é entre 4-8.

* Gesso abaixo do joelho não é apropriado. Gesso abaixo do joelho não fornece força suficiente para segurar o pé em rotação externa. Recebem maior alongamento aos músculos da perna o gesso acima do joelho.

* Uma série de gessos são alterados semanalmente, e o gesso da tenotomia deve permanecer de 2-4 semanas

* Entre as trocas de gessos semanais, quando o gesso for retirado em casa, não deixe que seu bebê fique mais de 1 hora sem o gesso, pode prejudicar no tratamento

* Depois que o último gesso é retirado, não deve haver um atraso no início do uso da órtese de abdução dennis browne (você não quer perder a correção)

* Erupções cutâneas, contusões e irritações da pele sob o gesso de11156285_939129846132397_6333769689610565208_nvem ser prontamente tratadas com o médico

* Se não havia um vinco profundo medial ao nascimento nos pés e parece haver um vinco profundo medial após o gesso, isto é indicativo de um típico pé torto se tornando pé torto “atípico/complexo”  devido ao gesso inadequado!

Anúncios

A Associação Primeiro Passo é uma entidade civil que nasceu do desejo de muitos pais de crianças com pé torto congênito que foram tratadas pelo método Ponseti e tem como intuito multiplicar, incentivar e difundir esta técnica de tratamento em meios médicos e não médicos. A APP funciona regularmente sob o CNPJ 12.950.014/0001-55. Uma meta idealizada pela Associação é que o método de Ponseti fosse assimilado e realizado corretamente por profissionais pelo SUS e ficasse disponibilizado a todo cidadão brasileiro. Enquanto esse ideal ainda não é uma realidade, todavia, fazemos esforços para divulgar o tratamento do pé torto congênito pela técnica de Ponseti, atuando na detecção precoce desta alteração ortopédica, no suporte e facilitação de centros de tratamento intersetoriais no Brasil e no exterior. A meta mais abrangente de nossa visão de entidade civil é promover a erradicação do pé torto congênito não tratado, no Brasil e no mundo.

Marcado com: , ,
Publicado em DICAS, INFORMAÇÕES

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Follow Associação Primeiro Passo on WordPress.com
%d blogueiros gostam disto: